Você não tem permissão para ver essa notícia

Estabelecer, automatizar e dimensionar processos de privacidade

Análise demonstra a tendência à ampla implementação de processos de privacidade.

imagem com uma ilustração de uma pasta de arquivo com o escrito one trust

11 de novembro de 2021


Antes estabelecidos principalmente em setores altamente regulamentados, como o bancário e o de saúde, os processos de privacidade têm sido implementados nos mais variados setores.

A confiabilidade pode fortalecer a fidelidade e servir como diferencial competitivo, uma vez que tem se tornado mais importante no mercado. As equipes de privacidade devem assegurar que o uso de dados pessoais esteja em conformidade com regulamentos globais e nacionais de proteção de dados, além de cumprir sua função usual de Compliance.

As empresas globais costumam enfrentar dois desafios principais relacionados à privacidade: estabelecer processos básicos e lidar com o grande volume de dados de forma manual. Além disso, as legislações costumam ser extensas, não havendo requisitos internos estabelecidos para o cumprimento das regulamentações globais de privacidade. E os processos variam de acordo com os níveis de tolerância aos riscos de cada empresa.

Esses desafios têm levado à automatização dos processos de privacidade. A KPMG, em conjunto com a OneTrust, analisou uma ampla estratégia para essa automação na publicação Establish, Automate, and Scale Privacy Processes Across the Enterprise. Instrução de estruturas de governança, monitoramento e resposta a solicitações, criação e manutenção de inventário de dados, gerenciamento de privacidade de terceiros, gestão de avisos de privacidade, integração às atividades de proteção de dados são alguns dos temas em destaque.

Usando uma estrutura de gestão de privacidade (Privacy Management framework ou PMF) e uma equipe multifuncional qualificada, a KPMG oferece soluções robustas e responsivas que melhoram a experiência do consumidor, otimizam operações e o cumprimento de regulamentações, contribuindo, assim, para a boa reputação de marcas e a confiança de investidores.

Para acessar a análise completa, clique aqui.

()