Você não tem permissão para ver essa notícia

Private Enterprise

IPO ganha força globalmente

Estudo da KPMG registra recorde na atividade de IPO em 2020.

5 de março de 2021
formas abstratas de fios em fundo azul

O estudo Venture Pulse Q4 2020 - Global Analysis of Venture Funding, produzido pela KPMG, destaca a crescente força na atividade de IPO (Initial Public Offering) no quarto trimestre de 2020. Devido ao ambiente de taxas e juros baixos, várias regiões expandiram a abertura de capital, e a tendência de aumento de IPO pôde ser observada globalmente.

Reformas de mercado, foco no investimento doméstico e a expansão tecnológica para desenvolver soluções relacionadas à Covid-19 contribuíram para o aumento na atividade de IPO no último trimestre, marcando 2020 como ano recorde em valor de saída, quase US$ 450 bilhões.

A tendência impactou positivamente o Brasil. Ao longo do ano, o país atraiu atenção significativa de investidores internacionais, como Softbank, e domésticos. O interesse de expansão das fintechs e taxas de juros baixas impulsionaram o investimento de Venture Capital no país, que registrou o segundo maior ano para saídas de IPO, próximo a 2008.

Clique aqui e confira todos os insights do estudo.

()

Este site utiliza cookies para proporcionar a funcionalidade necessária e aprimorar sua experiência de navegação. Ao continuar a navegar pelo site, você concorda com a utilização de cookies conforme descrito na declaração de privacidade on-line da KPMG. Você tem o direito de acessar seus dados pessoais para que sejam modificados, corrigidos ou excluídos. Para isso, você deve entrar em contato com privacidade@kpmg.com.br.