Você não tem permissão para ver essa notícia

Imprensa

Saneamento no Brasil

Novo marco regulatório vai melhorar a oferta do serviço pelo país.

18 de setembro de 2019
tanque de saneamento básico visto de cima, imagem mostra um circulo com água e floresta em volta

No Rio de Janeiro, onde o serviço de água e esgoto chega a 66% da população, a Cedae, companhia estatal de saneamento, está tentando diminuir as carências nessa área. Na baixada fluminense, estão previstas 41 obras de esgoto. 

Em entrevista, Maurício Endo, líder da área de infraestrutura da KPMG no Brasil, diz que se o novo marco regulatório do saneamento for aprovado no Congresso, vai facilitar a concorrência de empresas privadas no setor, melhorando a oferta de serviços para a população. 

Leia mais: 

Cedae está pronta para o que der e vier
Exame - REVISTA EXAME - 29/08/2019

Pronta para o que der e vier
Revista Exame Melhores & Maiores – 01/09/2019

()

Este site utiliza cookies para proporcionar a funcionalidade necessária e aprimorar sua experiência de navegação. Ao continuar a navegar pelo site, você concorda com a utilização de cookies conforme descrito na declaração de privacidade on-line da KPMG. Você tem o direito de acessar seus dados pessoais para que sejam modificados, corrigidos ou excluídos. Para isso, você deve entrar em contato com privacidade@kpmg.com.br.