Você não tem permissão para ver essa notícia

O futuro das agências de publicidade

Combinação entre inovação e uso de dados impulsiona agências nacionais e multinacionais a navegarem nos desafios do futuro.

11 de julho de 2022


A indústria de publicidade vive um momento de transformação, marcado por uma comunicação cada vez mais ágil e interativa, pelo predomínio de estratégias digitais e, principalmente, pela preocupação com o propósito. Nesse cenário, os líderes de agências têm buscado revigorar seus modelos de negócios, em busca de um crescimento sustentável.

Esse é o panorama do estudo O Futuro das Agências: ESG, Aquisições, Crescimento e Concorrência, produzido pela KPMG em conjunto com o Meio & Mensagem, que entrevistou líderes de agências nacionais e multinacionais de diferentes perfis, para coletar insights sobre as suas estratégias para o futuro, em geral pautadas pela busca de um equilíbrio entre criatividade e uso de dados.

Nesse cenário de disrupção, desafios ligados a diversidade, remuneração e ampliação do portfólio de serviços têm pautado a agenda dos líderes do setor, que listaram a transformação digital, o boom das startups, o investimento em capital humano e as preocupações com questões ESG como grandes tendências para os próximos anos.

Os executivos entrevistados também convergem ao apontar uma mudança relevante no perfil do negócio: se antes o volume de mídia era o que mais importava, agora a profundidade, a assertividade e o engajamento trazem maior potencial para geração de receita.

Para conferir, em detalhes, esses e outros insights da pesquisa, clique aqui!

()